Coligação pede suspeição de juiz acusado de beneficiar candidato sarneisista




É meu povo, São Mateus esta pegando fogo, tanto no calor (que ta insuportável) como nas eleições, veja ai a matéria do jornal pequeno, o que o Juiz, segundo o candidato Miltinho está fazendo. Alem da materia a baixo, o mesmo juiz proibiu a caminhada do candidato Miltinho, onde o mesmo convidou o Governador do Estado para a mesma.
E não estou discordando do magistrado , porem o mesmo deveria fica na cidade nos finais de semana pois é quando a “chapa esquenta” e muitos eleitores são violentos e agride uns aos outros. O Juiz TQQ (terça quarta e quinta) não funciona nessa época de eleições ( nem em outras épocas) , a cidade fica a mercê de eleitores fanáticos de A e B , justiça sim, fechar os olhos e deixar o povo no fogo cruzado não. Vamos visitar a cidade senhor Marco Aurélio conhecer o povo ver a realidade só no gabinete você não conhece o que está acontecendo não. Boa sorte.

Materia do Jornal pequeno.

O candidato a prefeito de São Mateus, Miltinho Aragão (PSB), representante da coligação “Frente de Libertação de São Mateus, entrou com ação de Exceção de Suspeição, contra o juiz eleitoral de São Mateus, Marco Aurélio Barreto Marques, por suposto envolvimento do magistrado em benefício do prefeito e candidato à reeleição, Francisco Rovélio Nunes Pessoa (PV), apoiado pelo grupo Sarney. Miltinho Aragão sustenta que o juiz possui relações de amizade com o prefeito Rovélio e tem concedido decisões tendenciosas, sempre beneficiando o prefeito.

“Alguns fatos reforçam a suspeição do juiz, como, por exemplo, a célere reforma do Fórum desta Comarca realizada com recursos do erário municipal, tão logo assumiu a titularidade da Comarca, pouco tempo atrás, demonstrando a relação de amizade, impedindo-o de agir de forma imparcial no pleito”, afirmou Miltinho.

Segundo Aragão, o juiz concedeu ainda tutela antecipada em Ação proposta pelo vice-prefeito e candidato à reeleição na chapa de Rovélio, José Maria, “que estava inelegível”, beneficiando-o ao lhe atribuir elegibilidade, medida antecipatória após a realização das convenções, mais precisamente no dia 1º de julho de 2008, “uma verdadeira afronta às diversas recomendações da Justiça Eleitoral, fazendo isso na ‘undécima’ hora, na contramão da história, a beneficiar candidato com contas de gestão reprovadas pelo TC/MA”, afirmou Miltinho, acrescentando: “Acatou, ainda, os pedidos de registro de dois aliados do prefeito, candidatos a vereador inelegíveis. Estranhamente, o juiz Marco Aurélio concedeu, liminarmente, uma ordem de Busca e Apreensão proposta pela Coligação de Francisco Rovélio, sob a alegação de que o ora requerente estaria em prática ilícita sem que tivesse o menor sentido, qual seja, a suposta distribuição de material impresso com a expressão “Ficha Suja” do candidato à reeleição”.

Alega ainda Miltinho que o juiz, também, deu igual e privilegiado tratamento a outro pedido de Busca e Apreensão em desfavor de cidadãos comuns, como o Sr. Leosimar e o Sr. Zequinha, “por seus laços de afinidade com a minha pessoa, e por serem meus eleitores declarados, tudo isso sem justificativa plausível, posto que vestiam camisas com frase de efeito em face de eleições. Enquanto isso, o coronel prefeito distribui camisas com a sua propaganda abertamente, o promotor mesmo já apreendeu centenas de camisas que seriam entregues pela esposa do prefeito Rovélio dentro de uma secretária do Município e o juiz faz vista grossa e ainda nega ação de busca e apreensão requerida pela Coligação da Frente de Libertação de São Mateus. Ou seja, em favor do Prefeito o Juiz concede tudo e ao mesmo tempo, em situação de pedidos idênticos o Juiz nega tudo para a nossa Coligação”, denunciou Miltinho.

Miltinho cita ainda outros casos em que aponta decisões suspeitas do juiz e que levaram a sua coligação a entrar com a ação contra o magistrado
fonte: jornal pequeno

1 comentários:

Treinamento disse...

Parabens pelo blog, esta muito bom...

Postar um comentário

Para fazer comentário use sua Contas do Google como a do gmail, orkut entre outros. Qualquer comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do seu autor.Comentários com palavras ofensivas e xingamentos serão excluídos.É livre a manifestação do contraditório desde citado o titular. De já agradeço.