Feira do Artesanato Mundial abre com sucesso de público e vendas




            Instalada pela primeira vez em São Luís, a Feira do Artesanato Mundial (Fam) foi aberta na última sexta-feira, 04, no Espaço Renascença, em São Luís. Prestigiada por centenas de pessoas de todas as idades, a Feira teve seu início marcado pelo sucesso de público, vendas e a cobertura ao vivo e reportagens de programas de TV, rádio e jornais. A feira deverá ser visitada por 40 mil pessoas até o dia 13 deste mês.    
            A Fam reúne produções artísticas e artesanais de mais de 22 países e ainda dos Estados da Bahia, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraná, Pará e Tocantins. Promovida pela Charph Eventos, em parceria com a Taguatur Turismo e Eventos, a Fam ficará em exposição até o dia 13 de novembro, das 15h às 22h. Crianças até 12 anos, melhor idade acima de 60 anos e deficientes físicos terão entrada gratuita.
            O preço do ingresso é de R$ 5,00 (cinco reais). Entre os stands mais visitados e comercializados no primeiro dia da feira estão os do Egito, Turquia, Índia, Japão, Síria, Líbano, Senegal, Marrocos, Equador, Indonésia, Peru, Tunísia, Quênia, África, Paquistão. Os artesanatos brasileiros, também tiveram boas vendas, a exemplo das produções com fibra de buriti do Maranhão e com o capim dourado de Goiás.
            Finnar 2012 nos 400 anos de São Luís
            Expositores do Centro de Produção Artesanal do Governo do Maranhão (Ceprama) e da Feira de Criatividade da Prefeitura de São Luís também participam da Fam. O diretor presidente da Charph Eventos, Charlton Gallisa comemorou com os expositores locais, nacionais e estrangeiros o sucesso da abertura da Feira e anunciou que realizará em 2012 a Feira Internacional de Negócios do Artesanato (Finnar).
            “Realizaremos em 2012, nas comemorações dos 400 anos de fundação de São Luís, a Feira Internacional de Negócios do Artesanato (Finnar). A Finnar já acontece a seis anos, no Centro de Convenções Ulisses Guimarães, em Brasília. A Finnar São Luís 2012 terá ainda uma grande feira da gastronomia internacional. O Maranhão ampliará as cadeias produtivas do turismo, cultura e artesanato”, disse Gallisa.

0 comentários:

Postar um comentário

Para fazer comentário use sua Contas do Google como a do gmail, orkut entre outros. Qualquer comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do seu autor.Comentários com palavras ofensivas e xingamentos serão excluídos.É livre a manifestação do contraditório desde citado o titular. De já agradeço.