Sindicalista é assassinado em São Mateus-MA.

Texto: Jonatas Carlos

O vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de São Mateus-MA, Francisco Alves Cunha, 40 anos de idade, foi vítima de uma emboscada quando o mesmo voltava do Povoado Morada Nova (zona rural de São Mateus), o crime ocorreu na noite da sexta-feira (16) o líder sindical foi alvejado nas costas com um tiro de espingarda, foi socorrido no Hospital de São Mateus e logo transferido para o Hospital Geral da cidade de Peritoró e não resistindo aos ferimentos, veio a óbito na tarde desta segunda-feira (19). “Chiquinho do sindicato” como era conhecido, estava só no momento do disparo e foi socorrido por populares da região.

A Polícia Civil está investigando o caso e segue os trabalhos sob três linhas de investigações. Os suspeitos de estarem envolvidos no assassinato já estão sendo monitorados e a qualquer momento o crime poderá ser elucidado. O clima é tenso entre os demais sindicalista, haja vista que as causas do crime ainda não estão esclarecidas, o que aumenta o clima de tensão na região. Chiquinho durante o período eleitoral chegou a assumir a presidência do sindicato.
Um Clamor de Justiça está marcando a despedida do sindicalista em sua residência no Bairro São José onde o corpo está sendo velado desde a noite desta segunda-feira. Chiquinho deixa a mulher e cinco filhos, o corpo do sindicalista será levado para o auditório do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais a partir das 15h onde receberá homenagens dos colegas sindicalistas e às 17h será sepultado no cemitério central da cidade.

0 comentários:

Postar um comentário

Para fazer comentário use sua Contas do Google como a do gmail, orkut entre outros. Qualquer comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do seu autor.Comentários com palavras ofensivas e xingamentos serão excluídos.É livre a manifestação do contraditório desde citado o titular. De já agradeço.