Mais um assassinato em São Mateus. Até quando?

Na manhã dessa terça feira mais um assassinato em São Mateus do Maranhão deixa a população desassossegada. Um jovem identificado pelos populares apenas como Francisco, residente na rua 13 de maio no Bairro Piqui teria levado sua mãe (avó) dona Maria José ao Banco e ao CAISI (Centro de Assistência Integral ao Idoso) , e logo na saída do local próximo ao “terminal rodoviário” um elemento vindo em uma moto bis, de capacete, teria abordado a vítima e o espancaram até o mesmo cair no chão, onde foram disparados alguns tiros, levando ao óbito. Quando a Ambulância chegou por volta das 11:30h levou o corpo para o Pronto Socorro Municipal; a polícia foi atrás dos suspeitos e não se sabe ainda qual o motivo do crime.

A Segurança Pública é tema da Campanha da Fraternidade desse ano.É hora de discutimos isso como sociedade madura e participativa, cobrar das autoridades, esquecer os lados partidários e somar forças, juntos podemos minimizar essa questão em nossa não tão pacata cidade.

2 comentários:

Marcelo Aguiar disse...

Lamentavelmente nosso municipio de SMT consta na triste estatística dos municpios mais violentos do nosso estado. Isso começou ha pouco mais de 4 anos, coincidencia ou não, teve inicio no atual governo. Sabe-se que, constitucionalmente segurança pública é dever do estado, no entanto, todo prefeito que se preza prima pelo bem-estar dos seus municípes, fato que não acontece em nossa cidade.
Percebe-se claramente que os políticos e autoridades de todas as esferas de SMT, não tem vontade política e constitucional de enfrentar problemas que afligem a população, fica um jogo de "empurra" não se toma nenhuma atitude. E hora da sociedade organizada, Sindicatos, Associações, Camara Municipal e etc., abraçarem esta causa, que falta de segurança em nosso municipio. As estatisticas estão api para mostrar o CAOS e o MEDO que afligem o povo de SMT, e tem mais, existe um sentimento de impunidade e isso sem dúvida gera mais violencia. Portanto, é o momento oportuno de entrarmos num debate sobre o assunto, que é o tema da Campnha da Fraternidade deste ano, lançada pela CNBB: FRATERNIDADE E SEGURANÇA PÚBLICA.
Para finalizar, senhores veradores deixem de estar fazendo requerimento pra aqui pra acolá,pra tapar um buraco aqui outro acola, barganhar um contrato aqui outro acolá, empregar um parente aki outro acolá, e vamos trabalhar de fato pelo povo, fazendo leis e fiscalizando as ações do executivo, que são as principais funções de vocês. Um abraço. Marcelo

Anônimo disse...

concordo com o comentario do marcelo aguiar. agora temos que lembrar que após as eleições municipais, são mateus entrou em um por um periodo onde não tinhamos um delegado de fato. ficamos mais de 5 meses sem autoridade civil, fato devido ao candidato derrotado sr. miltinho aragão, que achou por bem tirar o Dr. Henrique, alegando que ele estava do lado do prefeito reeleito Rovelio. isso somado ao quebra-quebra provocado por partidarios do candidato derrotado sr. miltinho aragão, criou um clima de segurança para os bandidos praticarem seus atos de violencia certos da impunidade, pois são mateus virou terra sem lei. nem os vândalos que praticaram o quebra-quebra na cidade foram devidamente punidos, pois os mentores estão ai livres e soltos. mas concordo que devemos deixar de lado a divergencia politica e procurar resolver essa questão de segurança pública o mais rápido possivel. FRANCISCO FERNANDES NETO

Postar um comentário

Para fazer comentário use sua Contas do Google como a do gmail, orkut entre outros. Qualquer comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do seu autor.Comentários com palavras ofensivas e xingamentos serão excluídos.É livre a manifestação do contraditório desde citado o titular. De já agradeço.